Por categorias | Novidades, Pastoral

“Hoje mesmo estarás comigo no paraíso”

“Hoje mesmo estarás comigo no paraíso”

Imaginemo-nos ouvindo esta expressão de Jesus! Talvez aquele homem malfeitor tivesse alguma esperança de sair daquela cruz, ajudado por aquele que estava ao seu lado e em cujo poder demonstrou ter passado a crer. “Esse nenhum mal fez”, disse ele ao outro mafeitor. Devemos temer a Deus, pois estamos condenados justamente, e devemos pedir: lembra-te de nós quando entrares no teu reino.

Várias pessoas presenciaram esses momentos finais de Jesus e a alguns deles, Jesus dirigiu palavras: Palavras de perdão, palavras de amor, palavras de advertências, palavras de incentivo à fé, palavras de clamor, palavras de intercessão, palavras que expressaram a certeza do cumprimento da missão. Jesus também ouviu algumas palavras e presenciou algumas atitudes: Palavras de escarnecimento, palavras de blasfêmias, palavras de lamentos. Mas de todos os presentes ali e de todas as palavras pronunciadas na cruz, estamos destacando nesse texto um dos malfeitores e as palavras de certeza que ele ouviu.
O que Jesus poderia dizer aos diversos participantes daquele “espetáculo”? O que diria, se dirigisse a palavra a alguns deles? Imaginemos, por exemplo, o que diria ao outro malfeitor: você e seu comparsa vão morrer hoje. Mas ele , arrependido, acabou de aceitar a vida que não se acaba, a vida no paraíso e por esta fé, eu o perdoei dos pecados. Você deveria seguir o exemplo dele;
  • Aos soldados diria: Não há nada que vocês falem que me impeça de pedir ao Pai que os perdoe. Sei que vocês não sabem o que fazem. Daqui a pouco vocês verão manifestações da natureza em repúdio às atrocidades que cometem e terão a oportunidade de reconhecerem que os amo e os perdoo.
  • Aos discípulos Jesus diria: Eu os preveni de que esse momento chegaria. Estou sentindo dores, mas decidi que assim deveria ser, para que pudesse pagar pelos seus pecados e confirmar o plano de meu Pai de salvar a toda a humanidade. Conto com vocês para divulgarem o que estão vendo e ouvindo em todo o mundo.
  • À Judas Iscariotes, se ainda estivesse vivo, Jesus poderia ter dito: Arrependa-se, Judas. Eu o chamei de amigo e continuo amando-o e estou também pagando o preço do seu erro, do seu pecado. Haverá uma prestação de contas no juízo, mas se você se arrepender, será perdoado.
É claro que estamos colocando palavras hipotéticas na boca de Jesus. Todas essas palavras seriam associadas ao seu propósito salvador e ao seu compromisso de amar. Mas vale enfatizar as palavras reais de Jesus, ditas a um dos seus companheiros de morte: hoje a sua realidade será infinitamente melhor: o paraíso.
O que Jesus diria se hoje estivesse se dirigindo a você. Como qual dos pecadores você se pareceria? Com o da direita ou o da esquerda de Jesus? Hoje é a hora de você decidir o que gostaria de ouvir. O que Jesus diria aos seus amigos e parentes e até mesmo aos seus conterrâneos? Hoje é a hora de você investir para que mais pessoas ouçam o convite “Vinde benditos de meu Pai”. “Hoje estarão no paraíso”.
Crendo e pregando, Pr. Nilson Godoy

 


Escrito por:

Nilson Gomes Godoy que escreveu 89 artigos em SIBNF – Segunda Igreja Batista de Nova Friburgo.

Pastor da SIBNF

Contate o autor

Deixe um comentário

Advert

Atendimento On Line

Aniversariantes

Próximos Eventos

Twitter


Follow @2ibnf
Powered By: Make Money Online Free

© 2013 SIBNF – Segunda Igreja Batista de Nova Friburgo. Desenvolvido no Wordpress. [___Acessar___]